Atendimento
(16) 3820 4466

Crise de ansiedade: sintomas e como evitar


Crise de ansiedade: sintomas e como evitar

Crise de ansiedade: o que é?

Sentir ansiedade em diversas situações, principalmente neste momento em que vivemos dias incertos, é comum. Mas, quando essa sensação se torna frequente ao ponto de dificultar qualquer tarefa diária, a ansiedade vira um transtorno.

Você sabia que cerca de 20 milhões de brasileiros sofrem de TAG - Transtorno de Ansiedade Generalizada? Na maioria dos casos, os quadros começam na infância ou adolescência, mas podem começar na vida adulta.
Nas crises de transtorno, os medos irreais ficam descontrolados, causando uma profunda sensação de insegurança, descontrole e medo. São sensações geradas pelo corpo e mente, provocando uma descarga de noradrenalina e adrenalina pelo organismo.

Saiba quais são os principais sintomas.

Enquanto o corpo está em crise, são gerados alguns sintomas comuns que podem ser notados e evitados com ajuda médica, como:

- Palpitação, coração pulsando forte ou acelerado;
- Suor;
- Medo de morrer;
- Falta de ar;
- Dor no peito;
- Calafrios e sensação de calor;
- Sentimentos irreais;
- Sensação de desmaio;
- Tremores;
- Medo de perder o controle;
- Sensação de sufocamento.

Se você já sentiu algum desses sintomas, a melhor forma de tratamento é com profissionais, como psicólogos ou psiquiatras. Cuidar da saúde da mente é tão fundamental como cuidar da saúde do corpo.

Por isso, este mês de janeiro é marcado por uma campanha muito importante, o Janeiro Branco, que tem como objetivo prevenir os transtornos causados pela mente.

A Unimed apoia esta campanha. Cuide de você.

Outras notícias


Crise de ansiedade: sintomas e como evitar

2021: inicie o ano organizando as finanças

Dezembro Vermelho: a importância de se prevenir contra HIV e outras ISTs


Ver todas as notícias